Quarta-feira, 5 de Janeiro de 2011

Uma cara bonita e uma metralhadora...

...o que é que uma candidata Republicana ao Congresso precisa mais?

 

 

 

 

 

Ah, pois, cortar impostos. É importante cortar impostos. Mas não tanto como disparar.

___

 

Pamela Gordon, após uma carreira no congresso e senado estaduais do Arizona, concorreu às primárias Republicanas desse estado, tendo perdido para Ben Quayle (filho de Dan Quayle), que viria a ganhar as eleições gerais. O uso e exibição de armas, apesar de, hum, claramente exagerado neste anúncio, é bastante habitual em candidatos conservadores que apelam ao eleitorado da extrema direita, que vive com o medo de que estas sejam "tiradas" (leia-se reguladas) pelos "liberais". Parece um disparate para o resto do mundo (e é), mas trata-se uma mensagem para uma faixa do eleitorado muito específica, e a aprovação pela NRA (National Rifle Association) é essencial para qualquer candidato Republicano, sobretudo em estados conservadores e do interior.


publicado por Vega9000 às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 25 de Outubro de 2010

Dan Fanelli: Isto é um terrorista!

Duas pérolas de Dan Fanelli, candidato às primárias Republicanas para o Congresso pela Flórida (entretanto derrotado), à volta do tema do "racial profiling", que este apoia.

Apesar de obviamente racista, o efeito é de tal forma hilariante, que quase compensa o disparate:

 

 

 

 

 

 

 


publicado por Vega9000 às 07:00
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 10 de Setembro de 2010

Guerras civis Republicanas

Nestas eleições, não são apenas os Democratas que estão em apuros. os próprios Republicanos incumbentes têm sido muito desafiados nas primárias por candidatos do movimento Tea-Party, que conseguem resultados surpreendentes, como Sharron Angle no Nevada.

 

Neste caso, na corrida à nomeação Republicana para o senado pelo Delaware, o Congressista Mike Castle está a ser desafiado por Christine O'Donnell, apoiada por Sarah Palin e o Tea-party Express. O resultado tem sido dos anúncios de ataque mais violentos desta campanha, sobretudo pela parte de Castle:

 

 

 

 

Já Christine segue a linha tradicional do Tea-party de que Castle não é "suficientemente conservador", mas ataca-a porque quer "ajudar Obama":

 

 

 


publicado por Vega9000 às 00:57
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 7 de Julho de 2010

McCain: Buyer beware!

John McCain aumenta a temperatura no Arizona, com um anúncio onde aproveita a aparição do seu concorrente num infomercial de uma empresa duvidosa, e a desastrosa resposta deste quando veio a lume.

 


publicado por Vega9000 às 07:00
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 23 de Junho de 2010

Arizona: McCain vs J.D. Hayworth

No Arizona, o senador John McCain enfrenta um sério desafio nas primárias republicanas. O seu oponente, o antigo congressista  e milionário J.D. Hayworth, procura ultrapassá-lo pela direita, tendo já o apoio dos activistas do Tea Party, que procuram abater todos os republicanos que vêm como "pouco conservadores". McCain, um dos mais antigos senadores republicanos, não é excepção.

A principal questão anda à volta da imigração ilegal, um assunto muito sensível no estado que passou recentemente uma muito contestada lei de deportação de imigrantes. É por aí que Hayworth pega, procurando pintar o seu oponente como "moderado" neste assunto, enquanto ele será um "duro", apoiado até pelo controverso Sheriff Joe Arpaio.

 

 

 

 

Do seu lado, McCain defende-se com três tipos de anúncio. Em primeiro, procurando também capitalizar o sentimento anti-imigração, anúncios em que defende medidas mais duras nesta frente, incluíndo o muro a ser construído na fronteira. Para não ficar atrás, inclui também um Sheriff:

 

 

 

 

Por outro, atacando o seu oponente como um Washington insider hipócrita, esbanjador consumado do dinheiro dos contribuintes:

 

 

 

 

 

 

e finalmente, com os anúncios positivos, onde puxa dos galões da sua carreira e do que trouxe à economia do Arizona. Tudo sob o tema dos militares - como um verdadeiro conservador - e também jogando um pouco com o medo do que acontecerá se perder. Vital for Arizona, é a mensagem:

Até agora, McCain tem conseguido manter a vantagem nesta corrida, mas Hayworth tem subido, e as primárias são apenas a  24 de Agosto, pelo que muita água ainda correrá até lá. Depois de perder as presidenciais para a esquerda, veremos se perde o cargo de senador para a direita.

 


publicado por Vega9000 às 08:00
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 22 de Junho de 2010

Jane Norton goes to war

Quando uma candidatura está a correr mal, como acontece com Jane Norton, candidata à nomeação Republicana para o Senado pelo Colorado, há sempre a hipótese de um Hail Mary pass: uma jogada arriscada e louca que, se resultar, pode relançar a campanha. Se falhar, enterra-a de vez.

É o que acontece com este anúncio, onde a candidata pega no estafado tema da war on terror com a nada subtil inclusão do som de um motor de avião, tentando usar o medo para convencer os eleitores. O resultado é de um gosto bastante duvidoso, mesmo para os padrões habituais das campanhas.

 

 

E se dúvidas houvessem sobre a nova orientação da sua campanha, nada como o novo site para as dissipar.


publicado por Vega9000 às 01:08
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Junho de 2010

Rick Barber: Gather your armies

Candidato do Tea-party à nomeação republicana para o congresso pelo Alabama, o ex-marine Rick Barber acaba de ganhar notoriedade com este anúncio, onde aparentemente apela à revolução armada contra Obama, a administração fiscal, o poder central, e tudo o que cheire a government.

Um dos melhores exemplos de todos os fantasmas que animam os activistas do Tea-party. Está cá tudo, inclusivé a devoção quase religiosa ao texto original da constituição.

 


publicado por Vega9000 às 19:03
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 9 de Junho de 2010

Inglis Girls

Bob Inglis, o congressista incumbente da Carolina do Sul, vai um pouco mais longe no tema da família, e coloca as próprias filhas a fazerem um anúncio de campanha. Em ano de fúria contra Washington, tudo serve para demonstrar que não se é um "daqueles" políticos, mas sim um outsider.

 


publicado por Vega9000 às 07:30
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 8 de Junho de 2010

Carly Fiorina: The Weather

Esta campanha é, usando uma expressão americana, the gift that keeps on giving.

Aquecimento global? Qual aquecimento global? Isso é obviamente para meninos...

 


publicado por Vega9000 às 18:00
link do post | comentar | favorito

Arkansas: Lincoln vs. Halter

Como já tinha referido aqui, a campanha para as primárias Democratas para o senado está ao rubro no Arkansas, com a incumbente senadora Blanche Lincoln a lutar pela sua carreira contra um sério concorrente, Bill Halter. Na primeira fase da campanha, a senadora usou os tradicionais anúncios de ataque contra o seu oponente:

 

 

Após na primeira votação não ter conseguido passar dos 50%, obrigando a uma segunda volta, e face à sua queda de popularidade, decidiu então apostar sobretudo nos anúncios positivos, em detrimento de tentar denegrir o seu adversário. A razão: tentar colar-se também à fúria dos eleitores contra os políticos de Washington, apesar de pertencer a essa mesma classe. Sei que estão zangados com Washington, e eu estou com vocês:

 

 

Por seu lado, o seu concorrente Bill Halter baseou a sua campanha em anúncios positivos, bem dispostos, e até um pouco insólitos, passando uma imagem simpática, genuína, de homem comum. Como este:

 

 

Embora, na segunda volta, e com a sua aprovação bastante alta, tenha também recorrido aos ataques à sua rival, mas muito suaves pelos padrões usuais destas guerras. Não convém estragar a imagem positiva:

 

 

Os ataques mortíferos, dentro duma estratégia "positiva", são desferidos não pelo próprio candidato, mas por grupos externos que compram anúncios exclusivamente para ataque, sem dizer quem apoiam. São as campanhas mais destrutivas de todas, porque são puramente negativas, tendo como único objectivo destruir a imagem de um candidato específico. E este, pelos padrões normais, até nem é dos piores:

 

 

O resultado será conhecido esta Terça, mas as últimas sondagens indicam que Blanche Lincoln deverá perder a nomeação, e terminar a carreira como Senadora.


publicado por Vega9000 às 07:30
link do post | comentar | favorito

pesquisar

 

Contacto

nsalgueiro@gmail.com

posts recentes

Uma cara bonita e uma met...

Dan Fanelli: Isto é um te...

Guerras civis Republicana...

McCain: Buyer beware!

Arizona: McCain vs J.D. H...

Jane Norton goes to war

Rick Barber: Gather your ...

Inglis Girls

Carly Fiorina: The Weathe...

Arkansas: Lincoln vs. Hal...

últ. comentários

Pois eu acho que é de continuar...
Obrigado a todos. Isto está em pausa enquanto deci...
e não fazes mais? eu gostei.:-)
Eu n tenho nada a ver com os bacanos do aspirina, ...
Vim espreitar o blog do comentador mais simpático ...
:)))
Um bocadinho paranóico, não? Tem exemplos de algum...
Correccao: o uso de armas ja e regulado nos EUA.Os...
No actual Partido Republicano, alguém gabar-se do ...
:)))[Interessante o remate: "especialmente um Repu...

tags

republicano(40)

senado(25)

democrata(23)

primárias(17)

governador(13)

congresso(11)

alabama(7)

nevada(6)

presidenciais(6)

florida(5)

arizona(4)

california(4)

histórico(4)

ohio(4)

califórnia(3)

carly fiorina(3)

conservador(3)

dnc(3)

pennsylvania(3)

alexis giannoulias(2)

todas as tags

arquivos

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Blogs recomendados

SAPO Blogs

subscrever feeds